O que fazer em Iporanga?

A Capital das Cavernas é uma excelente opção para o seu fim de semana, é um dos melhores destinos perto de São Paulo, abaixo, mostraremos o que fazer em Iporanga para ajudá-lo a montar um dos melhores roteiros de sua vida.

A História 

Esta cidade do Vale do Ribeira começou a ser povoada nos anos de 1571 e 1755, houve uma capela erguida por Garcia Rodrigues Pais, José Rolim de Moura, Antônio Leme de Alvarenga e Nuno Mendes Torres, em 1821 foi construída outra capela, a economia era à base de aguardente, rapadura e farinha de mandioca. 

No ano de 1873, a vila então passa a ser município, graças a construção de uma ferrovia, a lei que criou este município foi esta Lei Provincial nº 39, de 3 de abril de 1873, atualmente, o ecoturismo é um dos mais fortes da região, proporcionando empregos diretos e indiretos. 

Como chegar em Iporanga?

Este é um dos destinos mais procurados próximo de São Paulo, mostraremos como chegar neste município de carro ou de ônibus, confira:

Saindo de São Paulo de Ônibus 

Existem 2 empresas que oferecem passagens à Iporanga, que são Viação Intersul e Transpen, você deve desembarcar em Eldorado ou em Apiaí para pegar o ônibus da Viação Princesa dos Campos, é necessário se programar, pois esta empresa tem apenas um único horário nos dois municípios. 

Saindo de São Paulo de Carro 

Para chegar de carro há 3 opções, que são: Régis Bittencourt BR 116, Castelo Branco SP-280, Rodovia dos Imigrantes, quando estiver na BR 116 é necessário ter cuidado com os trechos CAVERNA DO DIABO/IPORANGA e PORANGA/BAIRRO DA SERRA, pois nestes trechos existem muitas curvas e o motorista deve ter total atenção. 

O que fazer em Iporanga? 

Se você quer saber o que fazer em Iporanga, não deixe de conferir as dicas que reservamos para que você possa montar o seu roteiro. Listamos algumas opções de passeios incríveis para o seu fim de semana, vale a pena aproveitar.

PETAR – Parque Estadual Turístico do Alto Ribeira

Para entrar neste espaço, é necessário pagar uma taxa de R$ 32,00, neste local o turista encontra: cachoeiras, trilhas dos mais diversos níveis, comunidades quilombolas e 350 cavernas deslumbrantes, é um dos pontos turísticos mais conhecidos em todo o mundo. 

2º Bóias Cross 

É indicado para quem é amante do ecoturismo e do turismo de aventura, nos rios Iporanga e Betari os turistas poderão praticar rapel, mountain bike, bóia cross e cascading, no entanto, recomendamos ter equipamentos de segurança e tenha roupas adequadas para poder praticar este esporte. 

3º Caverna de Santana 

Há um total de 8 km de extensão, está localizado bem na divisa de São Jorge, das Flores e São Paulo, tem uma trilha muito bonita com uma natureza bem preservada. 

4º Mirante Boa Vista 

Podemos ter acesso ao Vale do Rio Betari, está na divisa entre os municípios de Apiaí e Iporanga, há quem diga que à noite é possível ver OVNIS, é um lugar que oferece uma beleza intocável, é perfeito para quem gosta de estar na natureza. 

Cachoeira do Sem Fim e Taquaruvira

Os turistas devem pagar cerca de R$ 5,00 para ter acesso ao local, podemos acessá-lo a pé ou de carro, a Cachoeira do Taquaruvira pertence a uma propriedade particular, por isso, também oferece uma mata bem preservada. 

6º Caverna de água suja 

Pertence a uma das cavernas do Petar, é uma experiência única na região, onde os turistas poderão ficar com a água até a cintura, existe uma trilha a ser percorrida com 1,3 km de extensão, é possível pagar um guia para vigiar a sua mochila. 

7º Caverna do Morro Preto 

Esta caverna possui cerca de 200 metros, o horário de funcionamento ocorre das 08h às 16h, neste local há um anfiteatro que poderá ter raios solares durante o dia. 

8º Núcleo Caboclos 

Está mais longe do centro turístico, podemos acessá-lo através da Rodovia SP-250 km 294, neste núcleo encontramos um conjunto de trilhas formado por:

Chapéu Mirim I e II: se refere a um conjunto de pequenas cavernas, que oferecem uma boa experiência, podemos praticar determinados esportes como o rapel.

Aranhas: no seu interior, encontramos um rio, que é um dos atrativos para esta trilha, no entanto, esta é uma trilha relativamente pequena e fácil de ser realizada. 

Gruta + Pedra do Chapéu: tem muitas formações rochosas, no interior da gruta podemos conhecer diversos salões,  na  Pedra do Chapéu observamos um monumento de granito, que possui somente  dois pontos, é uma das melhores e mais importantes atrações do Núcleo.

9º Caverna Temimina

Encontramos uma linda entrada, que é um ambiente perfeito para fotos. Há um total de 4 horas para a realização desta trilha, você deve passar pelo rio que dá nome à  caverna. 

10º Trilha do Maximiano

Podemos encontrar as cachoeiras Maximiano e Sete Reis, ambas com  6 e 10 metros de altura, os turistas também poderão aproveitar as piscinas naturais.

No Vale do Petar há outras Cavernas importantes, por exemplo, Caverna Arataca, Caverna Cristais, Caverna Espírito Santo, Caverna Furo da Agulha, Caverna Monjolinho e Caverna Pescaria. A Trilha do Betari, que é uma das mais importantes do parque, está localizada no Núcleo Santana, onde temos acesso ao mirante de Santana. 

11º Quilombo de Ivaporunduva 

Embora seja um passeio pouco conhecido, tem uma história muito rica, além de uma grande importância cultural para a região. 

Encontramos um interessante roteiro, onde podemos realizar as seguintes atividades em meio à natureza à participação em palestras, oficinas temáticas e refeição com alimentos naturais.

Este quilombo está localizado no Município de Eldorado, na SP 165. No site oficial, os turistas encontram informações importantes sobre a sua programação, se você deseja saber um pouco mais sobre a influência dos escravos africanos no estado de São Paulo, vale a pena conhecer este espaço. 

Além de contratar um guia para ajudá-lo em suas caminhadas, ter auxílio de uma mochila impermeável e um repelente são fundamentais para evitar transtornos.

Onde se hospedar em Iporanga? 

O vale do Petar apresenta ótimas opções de hospedagem, abaixo, apresentaremos algumas opções de hospedagem para ajudá-lo a montar seu roteiro:

Veja a postagem Melhores pousadas, hospedagens, hostels, hotéis em Iporanga

Não esqueça de ver Pousadas com piscina e privativa: As 44 melhores pelo Brasil

1 – Gamboa Eco Refugio Pousada

Cercado pela natureza e com uma piscina, esta pousada tem um lago para a canoagem e pesca, salão de jogos e WiFi gratuito nas áreas comuns. Você também conta com lounges com redes no jardim.

Você pode desfrutar do buffet de café da manhã diário à beira do jardim, que inclui uma variedade de frutas da estação, pães, frios e uma seleção de bebidas quentes e frias.

Os quartos do Gamboa Eco Refúgio Pousada têm ar-condicionado e vista para o jardim. Além disso, todos contam com frigobar, TV e banheiro privativo.

A propriedade fica a 1 km da Estação Rodoviária de Iporanga e a 13 km do Parque Estadual do Alto da Ribeira. O Aeroporto Afonso Pena de Curitiba fica a 200 km de distância.

Clique aqui para garantir sua reserva

2 – Glamping Mangarito

Com um restaurante, o Glamping Mangarito está localizado em Iporanga e oferece Wi-Fi gratuito.

A acomodação dispõe de ar-condicionado, frigobar, TV e varanda. Os banheiros privativos incluem chuveiro e secador de cabelo.

No Glamping Mangarito você vai encontrar um jardim. Outras comodidades oferecidas na propriedade incluem balcão de turismo e lavanderia. Você pode desfrutar de diversas atividades no local ou nos arredores, incluindo trilhas a pé. Para sua comodidade, a propriedade oferece estacionamento gratuito.

Clique aqui para garantir sua reserva

3 – Pousada Casa de Pedra

Situada em Iporanga, a 14 km do Parque Nacional PETAR, a Pousada Casa de Pedra oferece acomodações com restaurante, estacionamento privativo gratuito, piscina ao ar livre e jardim. A propriedade oferece quartos família e churrasqueira. A acomodação dispõe de recepção 24 horas e cozinha compartilhada.

Todos os quartos da pousada dispõem de banheiro privativo, TV e área de estar. Na Pousada Casa de Pedra, todos os quartos incluem roupa de cama e toalhas.

Você pode saborear um buffet de café da manhã servido diariamente.

Você pode jogar bilhar e tênis de mesa na Pousada Casa de Pedra.

Clique aqui para garantir sua reserva

Onde comer em iporanga? 

A cidade de Iporanga tem ótimos restaurantes, exibiremos a seguir algumas opções que você poderá aproveitar:

1º Mangarito Bar e Restaurante:

É a opção mais recente da cidade, que trabalha com regime de à la carte, sendo situado no Bairro da Serra, ao lado da Pousada da Diva e Parque Aventuras Aventuras, podemos experimentar drinks e um ambiente muito confortável. 

Os turistas poderão experimentar: panquecas, saladas e sobremesas que agradam a todos. Se você curte um forró ou rock, este é um espaço indicado para seu perfil, os turistas também têm acesso ao bar.

O restaurante fica localizado na: Estrada António Honório da Silva, km 13. Bairro da Serra, Iporanga – SP.

2º Restaurante do Abílio

Aqui é servido uma comida caseira,  é um ambiente para quem necessita de uma emergência e não sabe onde comer, o espaço oferece almoço e jantar, está perto do centro do Bairro da Serra, você poderá entrar em contato no seguinte número 15 3556 1405. 

3º Restaurante da Pousada da Diva

É uma das melhores comidas caseiras da cidade, este é um espaço que existe desde 1968, a pousada e restaurante é uma das mais famosas da cidade. 

Não há como se hospedar sem agendamento, então entre em contato com antecedência e faça uma reserva. Há boas opções de saladas, o estrogonofe também é um dos melhores da região. 

Fica no Bairro da Serra, você poderá agendar através do e-mail [email protected] ou pelo telefone 15 3556 1224. 

4º Pastelaria da Zeni

É uma das melhores pastelarias da cidade, está na frente da Pousada da Diva e ao lado do Restaurante e Bar Mangarito. Vale a pena pedir o pastel de carne seca, peça também o caldo de cana da banca ao lado, ligue no seguinte número: 15 3556 1415. 

5º Restaurante Casarão – Gastronomia e Arte

Está bem no centro de Iporanga, sendo considerado um dos mais charmosos da cidade. Encontramos boas opções de pratos, vinhos e bebidas. É um antigo casarão do centro histórico, que foi adaptado para ser um restaurante, é uma das opções para quem gosta de gastronomia e arte. 

6º Tuks Cantina

Está no centro de Apiaí, tem uma das melhores lasanhas da região, os pratos são preparados diretamente pelo chef do restaurante, tem uma boa relação custo/benefício prezando sempre pela qualidade. 

Por que viajar para Iporanga? 

Esta é uma pequena cidade que possui 5 mil habitantes, que está rodeada de natureza 100% preservada, é muito perto de São Paulo, cerca de 325 km, é um ambiente tranquilo que oferece ótimas experiências, aqui é também conhecida como a Capital das Cavernas. 

Esta é uma grande opção para quem deseja fazer um roteiro de ecoturismo, se você não sabe o que fazer em Iporanga esta é uma cidade ideal para prática de esportes radicais. 

Para vir para Iporanga, é necessário comprar a passagem com antecedência, além disso, tenha cuidado com a alimentação, pois a estrutura da cidade não é 100% completa, em alguns momentos você poderá ficar sem local para uma refeição. 

Esta cidade é próxima de Eldorado e de Apiaí, tem as principais cavernas do estado de São Paulo, aliás é uma ótima opção para quem também quer descansar e ter um contato direto com a natureza. 

O que levar na bagagem? 

Para que a sua viagem de ecoturismo seja perfeita, é importante que a sua mala esteja com o necessário, abaixo mostraremos um pequeno checklist que você deve incluir:

  • filtro solar;
  • acessórios de higiene;
  • lanterna;
  • chapéu ou boné;
  • tênis adequado para o tipo de aventura;
  • mochila pequena para usar durante o passeio;
  • garrafa de água;
  • repelente;
  • kit de primeiros socorros;
  • óculos de sol. 

Separe produtos como creme hidratante, shampoo e condicionador. Para que a mala fique menos pesada, é necessário comprar produtos pequenos e compartimentos para colocar estes itens. 

Lembre-se que, para roteiros de ecoturismo leve também um repelente, já que mata fechada costuma ter muitos insetos, o que torna a viagem mais desagradável.

Organizando a mala 

Escolha uma mala que seja fácil de carregar, evite muito peso, não se esqueça que menos é mais, principalmente se você tem interesse em fazer um mochilão com uma viagem de aventura. 

Uma opção extremamente prática é utilizar malas de rodinhas, se forem muito novas mantenha higienizadas para evitar pó, seja sensato e prático evite ocupar espaço e transtornos em sua viagem, abaixo, apresentaremos algumas dicas de organização, confira:

1º Verifique a temperatura

É sempre importante consultar qual a temperatura da cidade no momento de ir viajar, por precaução leve sempre uma roupa  de frio, pois em locais de mata fechada, existem momentos que o frio poderá ser mais intenso. 

2º Separe roupas para cada dia da semana

Quando pesquisamos sobre o que fazer em Iporanga, já começamos a definir o nosso roteiro. Pense nas roupas que gostaria de usar em cada passeio, verifique referências de moda na internet, procure colocar algumas peças para determinados imprevistos. 

Tenha bom senso na hora de escolher seus acessórios, escolha sempre aqueles que combinam com suas peças, tenha cuidado com as cores e não deixe de analisar as tendências divulgadas pelas empresas de moda.

Qual a melhor época para conhecer Iporanga? 

Esta é uma cidade indicada para qualquer época do ano, é importante ter atenção pois em boa parte do ano é provável encontrar chuva, são raros os momentos de tempo seco. 

Nos meses de abril a agosto os índices de chuva são menores, é uma boa sugestão para quem deseja conhecer as cavernas e as trilhas, orientamos evitar os rios e as cachoeiras já que nesta época as águas estão mais frias. 

Na estação verão, os dias são mais quentes e os rios costumam ficar mais cheios, veja uma pequena tabela de temperaturas para que você possa se programar: 

  • Temperatura média anual: 22,8°;
  • Temperatura média no verão: 26,6°;
  • Temperatura média no inverno: 18,8°;
  • Mês que menos chove: agosto;
  • Mês que mais chove: janeiro;
  • Mês mais quente: janeiro (27°);
  • Mês mais frio: julho (18,2°). 

Não deixe de consultar informações sobre preços, temperaturas antes de viajar, esta é a melhor forma de evitar problemas em sua viagem, tenha em mãos os números de emergência como bombeiros e polícia militar. 

Valores no Vale do Petar 

A cidade de Iporanga faz parte do Vale do Petar, por isso, se você tem interesse em conhecer outros núcleos e cavernas, veja abaixo alguns preços que você deve pagar para acessar: 

Núcleos Santana e Ouro Grosso – R$ 240,00, o valor para 3 pessoas está em torno de R$ 90,00. 

Núcleos Caboclos – R$ 290,00, o valor de R$ 120,00 sai para um grupo de 3 pessoas.

Vale das Ostras – R$ 240,00 para 3 pessoas o valor sai por R$ 90,00, com ingresso incluído.  

Ingressos 

Ingresso Desconto Brasil – (50%): está no valor de R$ 19,00 por pessoa, sendo necessário a apresentação do RNE, para brasileiro e estrangeiro. 

Ingresso Geral – R$ 38,00 por pessoa, este é o valor praticado para visitantes que não sejam dos países do Mercosul. 

Ingresso Desconto Mercosul – (25%): R$ 33,00 para os moradores do Mercosul, é o valor cobrado para integrantes do Mercosul. 

É importante sempre comprar ingressos em fontes oficiais e que são credenciadas pelo Cadastur, é também possível encontrar agências na região do Vale do Petar para comprar ingressos e solicitar auxílio de um guia para realizar trilhas.

Conclusão 

A cidade de Iporanga é a opção perfeita para conhecer o Vale do Petar, através de nossas dicas já é possível saber o que fazer em Iporanga e montar um roteiro completo. 

São muitas opções de cavernas, trilhas, rios e cachoeiras em uma região  que é totalmente preservada e tombada pela UNESCO, é considerado atualmente um importante patrimônio da humanidade. 

Gostou de nossas dicas para montar seu roteiro? Quais cavernas gostaria de conhecer? Compartilhe nossos conteúdos e deixe sua opinião nos comentários!

Mas antes de ir, olha só que legal, separamos alguams postagens super legais para você não deixar de conhecer São Paulo:
1 – Cidades para curtir durante o inverno em São Paulo

2 – Cidades do interior de São Paulo que você precisa conhecer

3 – Lugares para viajar em SP que vão te impressionar

E é isso, um forte abraço e nos vemos logo!

Summary
O que fazer em Iporanga?
Article Name
O que fazer em Iporanga?
Description
o que fazer em Iporanga, não deixe de conferir as dicas que reservamos para que você possa montar o seu roteiro. Veja mais.
Author
Publisher Name
Estou na Viagem
Publisher Logo

Pin It on Pinterest

Share This

Compartilhe!

Compartilhe este post com seus amigos! Isso vai nos incentivar a postar mais =D